Wednesday, November 11, 2009

Novembro


Têm sido observados pirilampos na forma larvar a brilhar no solo em sítios como a Serra da Arrábida e a Serra de Sintra. Os habitats são geralmente constituídos por floresta nativa. As últimas chuvas proporcionaram estes avistamentos.
Este verão foi muito longo e seco, vamos então tentar ver quais as consequências que terá na dinâmica populacional (destes animais) no próximo ano.
Foi também observada alguma bioluminescência marinha nas zonas costeiras: Dinoflagelados, Artrópodes e Algas, produziram um verdadeiro espectáculo!


6 comments:

MC said...

Encontrei este blogue por acaso e fiquei deliciada! Adorei as fotos, os relatos e fiquei feliz de ver que há gente a preocupar-se em manter os pirilampos vivos! Quando era pequena lembro-me perfeitamente de ver pirilampos a brilhar por todo o lado no jardim de casa dos meus pais. Realmente hoje em dia vêm-se cada vez menos... Eu moro em Sintra e caso veja algum, venho aqui ao blogue contar. Beijinhos e boa sorte!

lightalive said...

Olá MC

Obrigado pela tua participação e ainda bem que gostastes.
Beijinhos e boa sorte para ti também. :)

Rita Fernandes said...

Houve uma noite que vi luzes na areia da praia, junto ao mar.

Fernando Martim said...


Em certas alturas do ano e em certas zonas deve dar para ver.

lightalive said...

Muito interessante, Rita!

Se poderes enviar-me mais detalhes, agradeço.

lightalive said...
This comment has been removed by the author.