Saturday, November 17, 2007

Phosphaenopterus metzneri !!






Esta espécie é muito rara a nível mundial, sendo conhecida em Portugal até agora, apenas na Serra de S. Mamede. A foto acima foi tirada no mesmo local onde foi encontrado o P. metzneri.

Não existe qualquer descrição sobre o tipo de habitat em que esta espécie é encontrada, por isso e como já tive a felicidade de encontrar uma larva (e é a primeira vez que se faz uma menção sobre as larvas desta espécie), vou então fazer uma primeira e muito resumida (para já) introdução: Foi numa noite estrelada de Julho de 2007, que na margem de um ribeiro local, por entre folhas caídas de choupo, que vi uma larva de Phosphaenopterus metzneri a luzir.
A vegetação local é constituída por choupos, silvas, fetos (entre outras plantas).
Os pulsares luminosos da larva apresentam uma côr verde intensa e são semelhantes aos do Phosphaenus hemipterus.




8 comments:

Ivo Rodrigues said...

Saudações alentejanas !!!

Ainda existem pirilampos para o alentejo, desde o meu tempo de criança que não os vejo ........

Haja saúde !!!

lightalive said...
This comment has been removed by the author.
lightalive said...

Boas

Ainda existem sim.
Já encontrei pirilampos em várias localidades alentejanas.

Saúde para si também.

Pleia Des said...


Muito interessante, obrigado.

Deve ser uma espécie menos comum.

Tânia Cardoso said...


Já fui à serra de S. Mamede e adorei!

Não tem muito a haver com boa parte do Alentejo.

lightalive said...


Sim, sobretudo nas vertentes mais sombrias e a maior altitude, as condições tornam-se particularmente mais frescas e húmidas.

Fernando Martim said...


Muito bem!

Rita Fernandes said...


Muito interessante!

Por vezes, vou a Évora (arredores), a ver se dou um passeio pela noite (quando lá for).